SeaWorld
/ Interação com animais/ Por parque/ Roteiros/ SeaWorld

Tudo sobre o Sea World

Estamos em Sea World, um parque que vem passando por grandes transformações nos últimos anos e vem se tornando cada vez mais “obrigatório” durante uma viagem a Orlando por conta de suas novas atrações.

Apesar dos projetos de conservação que o parque possui, o Sea World foi envolvido em algumas polêmicas em função dos shows e atrações com animais. Um dos projetos anunciados foi a parceria com o brasileiro Projeto Tamar.

Conheça o nosso Guia de Orlando, com 183 páginas de informações completas sobre a cidade e roteiros em todos os parques.

Preciso confessar uma coisa: os shows com animais não são os meus preferidos. Mas, pelo amor de Deus, essa é a minha opinião. Tem gente que adora, então não condeno. Eu é que não gosto muito, mesmo; prefiro atrações. Mas quem gosta de ver animais bem de perto, esse tipo de parque é muito bom. Então é uma questão de opinião, mesmo.

Veja também o roteiro no SeaWorld que temos aqui no blog. Nele proponho uma ordem de visitação das atrações.

Como é o Sea World

SeaWorld Orlando é uma mistura de aquário com parque temático. Antigamente a maioria das atrações se resumia a shows com animais marinhos, mas hoje em dia o parque está apostando mais em atrações, algumas radicais como Mako e a reformulação da Kraken que será a primeira montanha-russa de Orlando com realidade virtual.

Sea world

Fora as atrações para toda família, as atrações infantis e a possibilidade de aprender mais sobre os animais, que é sempre muito enriquecedor.

Já na parte dos animais, o Sea World ainda tem alguns shows com animais, mas já suspendeu a reprodução de baleias em cativeiro e a partir de 2019 não terão mais shows com as orcas. Como não podem ser soltas na natureza porque morreriam, elas ficarão em um tanque especial somente para observação dos visitantes.

O parque é grande, e como tem os shows, precisa de bastante organização para conseguir ver tudo, até porque ele não é um parque que costuma fechar muito tarde, então o tempo de visitação fica comprometido.

Veja aqui o mapa do SeaWorld.

Atrações Radicais no SeaWorld

Como eu disse, o parque tem investido em ótimas atrações e incluiu em seu parque nos últimos anos ótimas montanhas-russas.

Manta – Uma das melhores atrações do parque. Uma montanha russa onde você faz o trajeto deitado de barriga para baixo. E é claro, como você gira para todas as direções, às vezes sua barriga tá para cima, às vezes de ponta cabeça… Apesar de dar a impressão que ela molha, isso não acontece; é só um esguicho, mas não chega a molhar. Com altura mínima de 1,37m, o trajeto é inspirado no movimento da manta (uma espécie de arraia)… Pobre arraia… Se ela passa todo santo dia dentro da água por tudo que passamos lá, é um pobre animal… 🙂 Abaixo tem um vídeo nosso com o trajeto completo da Manta.

Kraken – Ótima montanha-russa, que a partir de junho/2017 vai contar com realidade virtual. Os visitantes poderão usar óculos que vão transmitir imagens tridimensionais que trarão uma nova experiência. Com altura mínima de 1,37m, você vai com os pés pendurados, o que dá a maior sensação (boa) de insegurança. 😉 Abaixo um vídeo com o trajeto completo.

Mako – A mais nova montanha-russa do SeaWorld é inspirada em um tipo de tubarão que é o mais rápido da espécie. Com velocidade máxima de 118km/h, ela não tem looping, mas tem 9 pontos de gravidade zero durante o trajeto. Isso mesmo!! Aquele momento que você descola um pouco do assento. Sem contar que ela é a mais longa, a mais rápida e mais alta montanha-russa de Orlando. Altura mínima de 1,34m. Abaixo um vídeo (cômico) da Mako.

Atrações para Família no Sea World

Journey to Atlantis – Atração razoável. Não chega a ser sensacional, mas é legal… A altura mínima é de 1,02m e é o tipo de atração que molha. Perto de coisas que já vimos anteriormente, é meio simples, mas vale a visita, principalmente em dias de calor para dar aquela refrescada. Se não quer molhar, use capa.

SeaWorld jorney of Atlantis

Sky Tower – É basicamente um elevador panorâmico com mais de 120m de altura, de onde você consegue ver boa parte da cidade de Orlando. Isso mesmo 120 metros!!! Não tem nada de radical, a menos que você morra de medo de altura. Nesse caso pode ser aterrorizante ficar tão longe do chão. Basicamente o objetivo é curtir o visual.

Antarctica: Empire of the Penguin  – Essa atração consiste num simulador onde você passeia pela Antártica acompanhando a vida dos pinguins. Desde a fila, até o fim da atração, a temperatura vai diminuindo até atingir -1°C. Ao final você sai em uma área com pinguins de verdade e pode observá-los sem vidro separando-os dos visitantes. É importante levar casaco principalmente para as crianças. Temos um post aqui no blog com mais informações sobre Antarctica: Empire of the Penguin.

seaworld

Wild Artic – Trata-se de uma atração que simula um tour no Ártico numa espécie de aeronave que acomoda diversos visitantes. Com altura mínima de 1,07m, está um pouco ultrapassada para os atuais padrões de Orlando.

TurtleTrek – Uma atração que reúne cinema 360° com tecnologia 3D. É exibido um filme do ciclo de vida e habitat das tartarugas marinhas e os desafios que os filhotes enfrentam para chegar até a vida adulta. Uma mensagem importante e emocionante sobre a preservação da vida marinha é passada para os visitantes. Uma das minhas atrações favoritas do parque.

Sea world Turtle Trek

Infinity Falls – Atração a ser inaugurada em 2018, será um bote que terá a maior queda de atrações de corredeira do mundo. Nem todas as informações foram divulgadas ainda, mas aos poucos vamos atualizando o post sobre a Infinity Falls que temos aqui no blog.

Atrações para criança no Sea World

Todas as atrações infantis do Sea World se encontram no Shamu´s Happy Harbor, uma área inteira destinada a crianças e bem colorida. São opções como mini montanha-russa, elevador, barco vicking, carrossel, playground e muitas atrações para os pequenos curtirem com o resto da família. Tudo inspirado no fundo do mar.

Shows no Sea World

One Ocean – Esse é o tradicional show das baleias orcas. O show já mudou de nome algumas vezes, mas a essência é a mesma: as baleias fazem malabarismos e acrobacias. Evite as primeiras fileiras se não quiser se molhar, pois as baleias dão um banho na platéia. Depois do incidente em 2010, em que uma baleia atacou e matou uma treinadora durante um espetáculo, atualmente os treinadores não entram mais na água com elas. Portanto os treinadores não nadam e nem fazem mais acrobacias na água. O show tem duração de 20 minutos.

Seaworld One Ocean

Dolphin Days – Esse é o show dos golfinhos. Nesse caso os treinadores fazem parte efetiva do show, já que nadam com os animais. Os golfinhos fazem várias manobras em sincronia e é impossível dizer que não é engraçadinho, pois não conheço ninguém que não goste de golfinhos. São animais bem queridos e o show é bonito.

Clyde and Seamore´s Sea Lion High – De todos os shows, esse é o mais engraçado. O leão marinho, as morsas e lontras fazem várias gracinhas e peripécias. É uma espécie de show de comédia e as crianças morrem de rir com as trapalhadas dos animais.  Não deixe de visitar.
seaworld
Pets Ahoy – Show com animais como gatos, cachorros, patos e outros animais de estimação ou de fazenda que são adestrados e fazem diversas gracinhas e as crianças costumam adorar. Ocorre no Seaport Theater e tem aproximadamente 20 minutos de duração.
Pop – Show de bolhas de sabão apresentado por um especialista que faz coisas incríveis com as bolhas. Estreia no verão/2017.

Encontro com animais no SeaWorld

Shark Encounter – Túnel que atravessa um aquário gingante com vários tubarões. Bom lugar para aprender e observar melhor esses animais.

Stingray Lagoon – Aquário onde você consegue tocar e alimentar as arraias. Observação: para alimentar as arrais é cobrado uma taxa extra pelo alimento. Temos um post aqui no blog com mais informações sobre o Stingray Lagoon

seaworld

Dolphin Cove – Área que você pode alimentar e observar os golfinhos. Essa atração tem horário específico e é paga à parte.

Todas as experiências com animais no SeaWorld podem ser vistas no site.

Restaurantes no SeaWorld

O SeaWorld conta, assim como o Busch Gardens, com o plano de alimentação All Day Dining Deal. Esse plano pode ser adquirido ainda no Brasil ou direto no parque. Com o pacote o visitante pode comer nos restaurantes participantes várias vezes ao dia, recebendo um prato, uma bebida e uma sobremesa. Custa US$39,00 por pessoa. Compensa para quem pretende fazer pelo menos duas refeições no parque. Os restaurantes participantes são:

Voyager’s Smokehouse
Expedition Café
Seaport Pizza
Captain Pete’s Island Treats
The Spice Mill
Seafire Grill
Mango Joe’s

Voyager’s Smokehouse – Conta com opções de frango, carne e costelas, com acompanhamentos como salada, milho, feijão ou batata.

Expedition Cafe – Serve pratos asiáticos, italianos e americanos num ambiente bem interessante. Localizado ao lado da atração Antarctica.

SeaFire Grill – Serve pratos mexicanos. Um dos poucos restaurantes do parque que serve café da manhã.

Os restaurantes abaixo não fazem parte do plano de alimentação.

Dine with Shamu – Localizado perto do Shamu Stadium o restaurante fica em volta do tanque das baleias e é possível vê-las nadando o tempo todo; enquanto isso um treinador fala sobre as características e curiosidades das baleias. Método buffet. Reservas são recomendas. Temos um post aqui no blog com mais informações sobre o Dine with Shamu.

seaworld

Sharks Underwater Grill – No restaurante existe um enorme aquário com tubarões de diversas espécies em um ambiente de pouca luz. Menu voltado para frutos do mar no método a la carte. Reservas são recomendadas, pois é bem concorrido. Tem a melhor comida do parque, mas também é mais caro. Temos um post aqui no blog com mais informações sobre o Sharks Underwater Grill.

Fura fila no SeaWorld

O SeaWorld conta com um método fura-fila chamado Quick Queue. De posse desse passe os visitantes podem furar fila das principais atrações do parque. São elas:

Mako
Manta
Antarctica: Empire of the Penguin
Turtle Trek
Journey to Atlantis
Wild Arctic

Esse passe pode ser comprado com antecedência ainda no Brasil ou direto na bilheteria do parque.

E também existe a opção Signature Show Seating + Quick Queue Unlimited, que além de furar a fila das atrações, ainda tem lugar reservado nos shows.

Esse tipo de passe vale a pena ser comprado em épocas de grande movimento, como férias de julho ou semana de Natal e Reveillon.

Veja também sobre outros tipos de filas que você pode encontrar no Sea World, como single rider, child swap e filas para deficientes.

Eventos no SeaWorld

Durante o ano o SeaWorld tem alguns eventos especiais no parque e todos eles estão inclusos no ingresso regular do parque.

Um deles é o de Natal, o Christmas Celebration, que tem lindos shows natalinos e até queima de fogos que ocorre entre novembro e dezembro.

seaworld
O Wondrous Night um dos shows mais lindos do Natal em Orlando realizado no SeaWorld

Outra opção é o Halloween Spooktacular, um evento de Halloween que é destinado às crianças, bem lúdico e colorido realizado nos fins de semana de outubro.

E o evento mais recente é o gastronômico Seven Seas Food Festival, que apresenta pratos da culinária de diversas regiões do mundo.

E entre os meses de junho e agosto, ocorre o Summer Nights, que celebra o verão e finaliza o dia com uma grande queima de fogos.

Dicas para aproveitar melhor o Sea World

  • Fique atento aos horários dos shows, pois alguns só ocorrem 2 ou 3 vezes ao dia. Se você não se organizar direito, pode acabar não conseguindo assistir todos.
  • Procure chegar ao auditório dos shows com pelo menos uns 15 minutos de antecedência para tentar um bom lugar. As pessoas começam a chegar para os shows com pelo menos 30 minutos antes. Quanto mais tarde chegar, menos lugares bons restarão.
  • O Seaworld geralmente fecha mais cedo que outros parques. Esse é um bom dia para incluir programas noturnos, como jogo de basquete, Cirque du Soleil, Medieval Times ou outras opções.
  • O SeaWorld faz parte do grupo do Aquatica e do Busch Gardens. Existem combos de ingressos de 2, 3 e 14 dias que incluem esses parques também. Vale a pena consultar, pois a diferença de preço às vezes é pequena. Você pode consultar os valores aqui.
  • O ingresso de 14 dias inclui estacionamento, então pode ser uma opção interessante para quem deseja visitar os 3 parques. Caso opte pelo ingresso de 1, 2 ou 3 dias, terá que pagar o estacionamento, que custa US$20,00.
  • Para quem pretende visitar o Discovery Cove, saiba que o Sea World e o Aquatica estão inclusos no ingresso do Discovery com 14 dias ilimitados depois do primeiro dia de utilização. Se quiser incluir o Busch Gardens, paga-se mais US$30,00. Com isso estacionamento de todos os parques por 14 dias também passa a ser de graça. Vantagem sem sombra de dúvida.
  • O Sea World possui alguns tours de bastidores onde os visitantes podem ver mais de perto os projetos de conservação, reabilitação e reprodução dos animais. Legal para ver mais de perto as ações realizadas pelo parque que a maioria das pessoas não conhece. Esses tours tem custo extra e podem ser contratados diretamente no site do SeaWorld.
  • Não deixe se baixar o aplicativo do SeaWorld para usar quando estiver no parque. Tem mapas e muitas informações.

 

Veja também tudo sobre os outros parques de Orlando

 

Post atualizado em junho/2017

Já conhece os serviços da Andreza?

16 comentários em “Tudo sobre o Sea World”

  1. Andreza,

    o que acha de combinar um dia de Sea World com o parque Hollywood Studios, sei que fica corrido, mas o que acha?

    Amanda.

    1. Amanda,
      É muuuuito corrido! O SeaWorld é bem grande e tem muitos shows com horários específicos.
      Até daria, mas você não conseguiria ver as principais atrações de cada um.
      Abraço

    2. Andreza,
      você sabe algo a respeito do almoço/jantar com a Shamu do Seaworld? É caro? O que é servido? Já experimentou? Essa refeição ocorre na hora dos shows da baleia ou fora desses horarios?

      Marcela.

  2. Andreza,
    chegando bem cedo ao parque, é possivel ver o show da shamu, dos golfinhos, ir nas principais atraçôes até ás 4:30 da tarde? É que eu queria ir no La nouba ás 6:00, já que 9:00 não dá por causa de uma reserva do t-rex.

    Sofia.

    1. Sofia,
      Depende da época do ano, pois na temporada é tudo bem cheio. Na baixa temporada é possível.
      Sugiro sair do parque e ir direto para o Cirque du Soleil.
      Abraço

  3. Oie Andreza!
    Amooo tudo que publica e estou baseando minhas férias em seu blog.
    Tenho uma questão…estou DOOOOida para ver a Baleia, esta é uma das coisas que nunca vi, mas não achei o Sea World tão interessante assim. Há outro lugar ou maneira de eu ver somente a Baleia???
    bjos

  4. Andrezza,estou indo para disney em 10/02 com um grupo de uma agência de tursimo,e gostaria de saber como é o movimento nesta época.
    Adorei seu blog,já lí quase 100 posts @-@

  5. Oi Andreza, no sea world e possível nadar com os golfinhos?? Queria um parque onde é possível nadar e mais barato que o discovery cove

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *