/ Atividades indoor/ Disney Springs

NBA Experience – Nova atração em Disney Springs

Abriu essa semana uma nova atração na Disney: o NBA Experience, um local cheio de experiências inspiradas nos jogos da NBA, liga americana de basquete e com certeza a mais famosa do mundo no segmento.

O NBA Experience foi anunciado pela Disney há uns dois anos e finalmente o local está em pleno funcionamento em Disney Springs no espaço onde ficava o Disney Quest.

Você pode comprar os ingressos para o NBA Experience aqui em até 10 vezes e aqui à vista.

Nós sempre falamos aqui sobre a NBA, pois já vendemos os ingressos de basquete do Orlando Magic há bastante tempo e é outra experiência super legal na cidade que ocorre entre outubro a abril.

Fizemos um pequeno vídeo no NBA Experience para dar uma noção de como é lá dentro e como são as atividades. Você pode ver o vídeo abaixo ou no nosso canal do Youtube. Assine também o nosso canal para receber nossos vídeos.

O que é o NBA Experience

O NBA Experience é um espaço para curtir tudo ligado à basquete. Os visitantes tem a oportunidade de imergir no mundo da NBA e participar de 13 atrações interativas. Paga-se o ingresso de acesso e lá dentro pode brincar em tudo quantas vezes quiser.

Mesmo quem não é fã de basquete pode se divertir muito no NBA Experience, porque não é necessário entender as regras, ter um time do coração ou acompanhar os jogos para curtir e gostar de tudo o que vê. Aliás, é isso que ocorre em todas as atrações da Disney; não é necessário assistir a um filme ou desenho ou conhecer determinada estória para entender o contexto.

Além disso o NBA Experience tem atrações para todas as idades; algumas exigem um certo esforço físico, mas algumas são totalmente light.

Antes de entrarmos, é possível, com o ingresso ou nosso canal do Youtube, personalizar a sua visita. Escolhe-se um time e também um nome que vai aparecer em praticamente todas as experiências dentro do NBA Experience, já que em quase todas exige-se passar os ingresso. Assim nas atividades aparece o seu nome e o time escolhido. Se estiver muita gente para fazer isso aí na entrada, lá dentro tem outros computadores onde dá para fazer essa personalização também.

Antes de entrar, é necessário preencher um termo de consentimento. Como tem muitas atividades lá dentro e algumas que envolvem pulo e coisas do gênero, esse termo serve para isentar o NBA Experience de qualquer responsabilidade caso você caia e tenha qualquer (pouco provável) acidente.

Como é o NBA Experience

Logo na entrada os visitantes experimentam a sensação de entrar no túnel como os jogadores antes do jogo. Temos a mesma visão que os jogadores tem quando saem dos vestiários e entram em quadra.

A partir daí os visitante encontram diversos jogos e atividades. No primeiro andar estão algumas dessas experiências. A primeira é a Champions, área com diversas telas interativas, onde é possível ver cenas, lances e histórico dos times.

Nesse mesmo lugar há duas possibilidades de fotos com troféus da NBA. Eles ficam presos na parede e é possível ajustar a altura para a foto ficar mais realista. As fotos são tiradas automaticamente ao aproximar o ingresso na máquina. Se tiver o Memory Maker, as fotos poderão ser baixadas em custo. A qualidade não é das melhores, mas é divertido.

E também é gerado videozinho dessas fotos, mas o vídeo é sempre o mesmo, não tem nenhum efeito diferenciado. para cada um deles.

Bem ao lado fica a área Players, que é como se estivéssemos dentro do vestiário dos jogadores. Ali estão expostos os uniformes de todos os times e alguns objetos pessoais que os jogadores usam. Além disso também existem telas para vermos mais sobre os jogadores. Escolhe-se o jogador e é possível ver diversas estatísticas da sua carreira.

Ao lado fica o Combine, um espaço que faz estatística corporal e do desempenho dos participantes. Devemos seguir as orientações do telão e são feitos 5 arremessos. O sistema vai medir sua altura, altura do pulo, envergadura de braço, ângulo e velocidade do arremesso. As estatísticas vão para o histórico do Photopass também e você pode baixar depois.

Ao lado do Combine, numa área sem nome, você pode comprar a sua altura com a de jogadores de basquete e também o tamanho da mão nas bolas expostas.

Ainda no primeiro andar existem duas salas que exibem vídeos sobre a NBA. Os filmes, que são diferentes em cada sala, tem em torno de 10 minutos de duração cada um.

Seguindo para o andar de cima; é ali onde ficam a maior parte das atividades. Dá para subir de escada ou elevador. Se você não tem nenhum problema de locomoção, suba pela escada, pois ficamos bem pertinho do telão e dá uma sensação estranha, pois parece que estamos mais alto do que realmente estamos.

Vamos falar primeiro das atrações mais simples desse andar. Na área Arcade existem video games com jogos de basquete e também aquelas cestas que encontramos em casas de jogos, onde você tem um tempo para acertar o maior número de bolas na cesta possível.

Outra atividade simples, mas muito divertida é o Slingshot, que basicamente é um jogo com diversos estilingues gigantes e quem conseguir fazer mais cestas ganha.

Outra atividade, que nem nos atrevemos a participar foi o Trivia, que é um jogo de perguntas e respostas. É legal para quem domina o inglês e tem bastante conhecimento da NBA, que não é bem o nosso caro.

Lá em cima também tem uma oportunidade de foto no Draft, que é um evento anual onde se escolhe os melhores jogadores da temporada e os visitantes posam com uma estátua de cera do Adam Silver, responsável da NBA. Essas fotos também são automáticas e incluídas no Memory Maker.

Uma atividade que eu gostei muito, mas achei muito rápida é o Replay. Trata-se de uma sala onde se simula a sala de VAR, ou seja, os juízes de vídeo. E nós somos os juízes. São 4 lances que temos que interpretar e dizer se foram arbitrados corretamente ou não, enquanto cada lance é exibido em 4 ângulos diferentes no seu monitor. É possível dar zoom, adiantar, retroceder… para identificar realmente se foi falta, se jogador pisou na linha, coisas assim. Só que temos o mesmo tempo que os árbitros tem para definir e até a gente se acostumar com o uso do computador para analisar as imagens, já acabou o jogo. E tiveram lances que eu nem entendi o que o árbitro tinha definido, para saber se eu concordava ou não. 🙂 Achei extremamente legal, mas muito difícil para a primeira vez. Tem que ir algumas vezes para pegar o jeito.

Agora vem as atividades mais “ativas”, digamos assim; experiências que você realmente atua como jogador. Uma delas é o Dribble, onde devemos repetir os movimento com a bola exibidos na tela, como bater, trocar de mão e dar um passe. Não é das mais difíceis.

Outra que meu marido adorou foi a Dunk, que é para simular as famosas enterradas. Só que é possível alterar a altura da tabela facilitando o lance. Essa é uma das atividades que cansa um pouco, porque tem que dar umas corridas e pulos e dá um suador 😀

E a última, mas a preferida do meu marido foi a Shoot, onde a pessoa tem poucos segundos para fazer 5 arremessos de diferentes posições no garrafão. E o mais legal é que tem um telão ao fundo com a torcida e ela reage dependendo da performance do jogador. Meu marido foi umas 3 vezes nesse. É outro que também dá uma cansada.

Loja do NBA Experience

A saída do NBA Experience é por uma loja enorme com centenas de produtos. Tem muitas camisetas e bonés de todos os times na NBA e também alguns produtos com o logo do NBA Experience. Os preços dos produtos são semelhantes aos vendidos nos estádios.

Tem até uma estação para personalizar capa de celular, MagicBand e garrafas de água.

A loja pode ser acessada mesmo por quem não frequenta o NBA Experience e ela abre a partir das 10h.

Informações sobre o NBA Experience

O NBA Experience fica aberto das 12h às 23h30 e o ingressos custam de US$36,00 para adultos e US$31,00 para crianças entre 3 e 9 anos. Clique aqui para comprar os ingressos em até 10 vezes e aqui para pagamento à vista.

Todas as atividades estão inclusas no ingresso e lá dentro não paga nada extra. É possível participar várias vezes de cada atividade, porém é necessário, ao concluir cada uma, voltar para a fila para participar novamente. Não pode ficar em cada atividade por tempo indeterminado.

Não é possível entrar no NBA Experience sem pagar só para acompanhar alguém. Todos os que entram, devem pagar, como já ocorre com os parques.

Lá dentro tem banheiros e bebedouros, mas não tem nada para comer, mas é permitido sair e voltar para o espaço com o mesmo ingresso. Então se quiser sair para comer ou beber algo e voltar depois, pode.

Como eu mencionei, tem elevadores, então carrinhos de bebê e cadeiras de rodas podem subir pelo elevador. Pessoas com necessidades especiais podem participar da maioria das atividades.

Se a ideia é conhecer o espaço e participar uma vez de cada atividade, em torno de 2 horas é suficiente para a visita. Mas se a intenção é se aprofundar nos vídeos disponíveis e tentar se aperfeiçoar nos jogos, é legal destinar pelo menos meio período.

Uma dica: dê preferência a ir ao NBA Experience assim que abre, pois é mais vazio; no fim do dia, fica bem mais cheio, porque as pessoas saem do parque e vão para lá. De manhã quase não tem fila nas atividades.

Nossa opinião sobre o NBA Experience

Achamos o NBA Experience uma opção bem bacana de divertimento, sem ser tão cansativo quanto um dia de parque.

Sem contar que, como é uma atividade coberta, é ótimo para fugir dos dias de chuva, de muito frio ou muito calor. Você se diverte e se mantém abrigado.

Além disso não é um programa tão caro e é recomendado para toda família. Mesmo quem não é fã pode se divertir. Mas se a pessoa é fã, aí o programa deixa de ser opcional e passa a ser obrigatório e nesse caso sugiro destinar praticamente o dia inteiro.

Já conhece os serviços da Andreza?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *